O que ver em Lá Fora

República Dominicana

De Punta Cana à Isla Catalina e Altos de Chavón (República Dominicana)

Os dias passavam devagar em Punta Cana. Na Praia Bávaro a rotina diária começava com um acordar bem cedo (o calor e o jetlag faziam-nos ter sonos de passarinho), depois uma corrida rápida antes do pequeno-almoço para logo a seguir "encher o bandulho", aproveitando desde cedo o regime do "tudo…
+ info
América

À Descoberta da Praia Bávaro – Punta Cana (República Dominicana)

Quando pensamos em férias com "tudo incluído", a República Dominicana é um dos primeiros destinos que nos vem à cabeça. A sua relação qualidade/preço nos serviços e as suas praias paradisíacas são motivos suficientes para que os amantes deste tipo de turismo optem por uns dias de férias sob o…
+ info
Irlanda

Caminhada na Cascata de Powerscourt (Irlanda)

No sopé das montanhas de Wicklow situa-se a Cascata de Powerscourt, a cascata mais alta da Irlanda com 121m de altura. Localizada em propriedade privada, num imenso parque verde onde o rio Dargle serpenteia, o seu acesso é reservado, havendo a obrigatoriedade de adquirir bilhete para admirarmos esta magnífica atracção natural. Após passar a bilheteira,…
+ info

Roteiro do Alto do Príncipe e Roteiro de Monteagudo – Islas Cíes – Vigo (Espanha)

O almoço foi em jeito de piquenique à beira mar. Numa mesa de pedra junto à Praia de Rodas devorámos as sandes que nos acompanharam na mochila durante a manhã. Terminámos com uma peça de fruta para sobremesa. Pela tarde iríamos percorrer a ilha a sul, mais propriamente, os trilhos…
+ info

Roteiro do Monte Faro e Roteiro do Faro da Porta – Islas Cíes – Vigo (Espanha)

As “Islas Cíes” são dos lugares mais incríveis que alguma vez visitei. Soube-o assim que o barco atracou no pequeno cais. Logo ali, a Praia de Rodas com a sua areia branca une as duas ilhas a que chamamos “Cíes”. Se por um lado a praia encontra o Atlântico, nas…
+ info

A caminhar por Oslo (Noruega)

Em Oslo podemos encontrar todas as vantagens e desvantagens de uma grande capital europeia. Depois do check-in no hotel, saímos à descoberta da cidade. Encontrámos uma arquitectura que combina a preservação do passado com a modernidade do presente e a ousadia do futuro. Desde o Teatro Nacional à Casa da…
+ info
Noruega

De Flåm a Oslo passando por Gol Stavkyrke Gordarike (Noruega)

Depois do passeio de bicicleta matinal, fizemos as malas e partimos para Oslo. Deixávamos Flam para trás e uns dias de descoberta incríveis que iríamos recordar com saudade. Caminhadas, percursos de bicicleta, de comboio, enfim…algumas das actividades que preencheram os nossos primeiros dias na Noruega. Agora estávamos de partida para…
+ info

Aurland e o Miradouro (Noruega)

Em Aurland procurámos algo para nos aconchegar os estômagos. No minimercado local, após vaguear pelos corredores na tentativa frustrada de encontrar algo saudável para comer, conseguimos saciar a fome com alguma “comida plástica”. Estava na hora de conhecer a localidade. Em pesquisas efectuadas na internet encontrámos um dos motivos de…
+ info

Tvindefossen (Noruega)

Tvindefossen parece esculpida por mãos humanas. Ou talvez não, pois se assim fosse deixaria espaço para a imperfeição resultante do simples facto de o artista pertencer a essa espécie sujeita a muitas imperfeições. E em Tvindefossen a natureza foi perfeita. A queda de água faz parte do lote de fenómenos…
+ info

Stalheimskleiva (Noruega)

Foi uma surpresa o que encontrámos em Stalheimskleiva. No planeamento desta viagem recorremos ao Google Earth para localizar alguns pontos que gostaríamos de visitar. Sabíamos que naquela estrada encontraríamos algumas cascatas mas nada nos preparou para a magestosa realidade. Em Stalheimskleiva sentimo-nos pequenos, minúsculos mesmo. A força das águas que…
+ info

Gudvangen (Noruega)

Gudvangen foi o local escolhido para tomarmos um “expresso” quentinho. Não foi planeado, mas no café da localidade com fortes influencias vikings encontrámos as paisagens ideais para repousar um pouco e recordar os sabores caseiros. Confundiram-nos com italianos ao pedirmos “expressos”. Corrigimos amavelmente informando que éramos portugueses e que também…
+ info

De Flåm a Undredal (Noruega)

A primeira manhã na Noruega foi memorável. No pequeno apartamento da marina de Flam acordámos cedo, ansiosos por partir à descoberta da região. Da varanda surpreendemo-nos com um gigantesco navio cruzeiro que durante a madrugada atracou no porto de Flam. As máquinas fotográficas não tinham descanso. Pequeno almoço tomado e…
+ info

De Rygge a Flåm

A noite estava agitada. Mais um par de meias, mais uma T-Shirt, os bilhetes impressos alguns dias antes….a mala estava composta sem exageros. Como mala de mão, deveria encaixar na medida estandardizada da companhia de voos “low cost” que escolhemos. Saímos já passava das 23h para percorrer meio país até…
+ info

Pico de Majalasna e Siete Picos (Valle de la Fuenfría – Sierra de Guadarrama) (Espanha)

No último dia em Espanha, regressámos à zona onde iniciámos esta descoberta da “Sierra de Guadarrama”, agora para percorrer o trilho “Pico de Majalasna” e atingir também, outro dos ícones desta serra, os “Siete Picos”. Seguindo as marcas amarelas bem definidas, iniciámos a ascensão que, entroncando com o “Camino Schmid”…
+ info

R1-R3-R4 – Casa del Parque – Pico Peñalara – Laguna de los Pájaros – Laguna Claveles – Laguna de Peñalara (Parque Natural de Peñalara – Sierra de Guadarrama) (Espanha)

Ao terceiro dia rumámos ao “Parque Natural de Peñalara”, na “Sierra de Guadarrama”. Com muitos motivos de interesse, este parque dispõe de diversas rotas assinaladas, tendo todas o seu inicio na “Casa del Parque”, o centro de informações local. Planeámos uma rota circular que nos ocupasse todo o dia e…
+ info

Los Miradores – Cercedilla – Sierra de Guadarrama (Espanha)

Após mais de seis horas de viagem pelas estradas ibéricas, chegámos a Cercedilla, a cerca de 50 km de Madrid, ainda sem alojamento marcado. Por via das dúvidas, repousavam num dos cantos da bagageira, as tendas e sacos cama para uma eventualidade. A prioridade era estabelecer o “quartel general” que…
+ info

Itinerario Circular – Navacerrada – Sierra de Guadarrama (Espanha)

O segundo dia em Guadarrama seria muito mais exigente. Num total de quase 22 km em montanha, com desníveis acentuados, grandes ascensões e duras descidas, realizámos o itinerário circular de Navacerrada. Este percurso levou-nos aos pontos mais emblemáticos de Navacerrada: a “Bola del Mundo” a 2258m de altitude e “La…
+ info
Lá Fora

Picos de Europa – Dia 7 – Collado Hermoso – Fuente Dé (Espanha)

O amanhecer no Collado Hermoso veio acompanhado com mais uma daquelas sensações indescritíveis de bem estar. Durante a noite o nevoeiro cerrado envolveu o abrigo como que a aconchegar quem lá estava. Esse abraço prolongou-se pela manhã. A 2065 m de altitude a vida parecia perfeita. O contacto com a…
+ info

Picos de Europa – Dia 6 – Cordiñanes a Collado Hermoso (Espanha)

O toque de alvorada ouviu-se cedo no “Albergue El Diablo de la Peña” em Caín. Afinal tínhamos pela frente talvez o dia mais incrível de toda a travessia – a ascensão ao Collado Hermoso, um dos locais mais isolados e remotos dos Picos de Europa. Enquanto o pequeno almoço descia…
+ info

Picos de Europa – Dia 5 – Garganta del Cares (Bulnes – Cordiñanes) (Espanha)

Acordámos cedo. Pela frente teríamos a mais extensa etapa da travessia e deveríamos começar cedo. Saímos de “Bulnes” após o pequeno almoço em direcção a um dos trilhos mais frequentados dos Picos de Europa – a “Garganta del Cares”. Algumas centenas de metros percorridos e entrámos na Ruta de la…
+ info