Partilhar

PR1 CND – Rota de Conímbriga (1ª Parte) (Condeixa-a-Nova)

O PR1 CND – Rota de Conímbriga é um percurso assinalado no concelho de Condeixa-a-Nova, distrito de Coimbra. Começa no Complexo das Ruínas de Conímbriga e com cerca de 16 kms de extensão divide-se em duas secções distintas. A primeira virada a sudeste percorre o vale do Rio de Mouros, a aldeia de Poço das Casas e a Mata da Bufarda (ou Alfarda). A segunda, a nordeste de Conímbriga segue de encontro ao Castellum de Alcabideque e outros vestígios do Aqueduto Romano de Conímbriga, continuando depois pelos campos de cultivo até Condeixa-a-Nova e passando por Condeixa-a-Velha para logo a seguir reencontrar as Ruínas de Conímbriga.
Devido às elevadas temperaturas que se faziam sentir (estava em pleno Verão), fiz as duas secções da rota em momentos diferentes, aproveitando para descansar e hidratar o organismo no intervalo.
Comecei a primeira parte do percurso na entrada do Complexo das Ruínas de Conímbriga e logo após a bilheteira (para realizar este percurso não é necessário pagar bilhete) vi o painel com informação de toda a rota assinalada. As placas bem visíveis indicavam que a aldeia de Poço das Casas ficava a 3,2 kms pelo Rio de Mouros ou a 4,5 kms pela Mata da Bufarda. Segui pelo trilho que acompanha o canhão do Rio de Mouros, percorrendo assim a rota no sentido contrário ao dos ponteiros do relógio. Desço até à ponte e nas primeiras centenas de metros o caminho desenvolve-se num sobe e desce pela serra.
Avançando em terra batida, num percurso bem delimitado e assinalado, o trilho foi-se desenvolvendo à sombra de eucaliptos e pinheiros, alternando com outras secções mais soalheiras onde se ia desenhando o bonito vale do Rio de Mouros.
As encostas verdes, cobertas por vegetação endémica terminam no traçado do curso das águas do rio. Infelizmente, devido à escassez de chuva, o Rio de Mouros está seco no seu vale e pergunto-me se sempre assim foi nesta época do ano, ou se esta será uma consequência do aquecimento global que alguns teimam em não reconhecer.
No sopé do vale, os campos são retalhados com muros de pedra oferecendo a esta secção do trilho uma beleza muito peculiar.
Vejo já o casario de Poço das Casas, uma pequena aldeia com poucos habitantes, onde a lida da terra continua a ser a principal actividade da população, como pude observar à minha passagem.
Faltam agora 4,5 kms até Conímbriga, pela Mata da Bufarda. Parte desta rota coincide também com o Caminho de Santiago e é possível ver as suas marcas ao longo do percurso. Cruzo-me com um peregrino que partilhava comigo estas horas de intenso calor, debaixo de um sol escaldante.
Deixando a aldeia para trás, inicio a subida da serra, num trilho de pé posto, com uma sinfonia ensurdecedora das cigarras. Não me lembro de alguma vez ter ouvido, desta forma tão intensa, o cantar deste insecto.
Entro agora na secção mais exigente do percurso, a subida da Mata da Bufarda. O calor asfixiante não ajuda e a escassez de sombras nesta fase da rota obrigam a uma hidratação mais frequente.
No cimo da serra as paisagens são de uma amplitude impressionante. O céu estava limpo e por isso era possível ver um grande número de núcleos populacionais bem como os relevos naturais que os separam.
Desço já em direcção a Conímbriga quando um esquilo curioso se atravessa no trilho à minha frente. Não satisfeita a sua curiosidade sobre este ser invasor que aqui caminhava, subiu ao tronco de um pinheiro e lá ficou o tempo suficiente para que eu conseguisse umas fotos e vídeos que testemunham este momento.
Percorro os últimos metros até às instalações do Complexo das Ruínas de Conímbriga e concluo esta primeira parte do PR1 – CND – Rota de Conimbriga, com pouco mais de 8kms percorridos.

FICHA TÉCNICA

Vídeo
PR1 CND – Rota de Conímbriga (1ª Parte) (Condeixa-a-Nova)

Reportagem Fotográfica
PR1 CND – Rota de Conímbriga (1ª Parte) (Condeixa-a-Nova)

Folheto/Mapa
Não
disponível

Onde Ficar
Hotéis, Residenciais, Pensões, Albergues, Pousadas, Hostals, Turimo Rural, Campismo...escolha o seu alojamento barato.

Distância
8,51 kms
(circular)

ALTIMETRIA

Altimetria - PR1 CND – Rota de Conímbriga (1ª Parte) (Condeixa-a-Nova)

DOWNLOAD GPS (GPX + KML)

Partilhar