Mexilhões de Sexta-feira Santa (Figueira da Foz)

Desde tenra idade que me recordo da tradição da apanha de mexilhão na Vila de Buarcos, concelho da Figueira da Foz, durante a semana que antecede a Páscoa. Quer faça chuva ou sol, os penedos que rasgam o mar desde Buarcos ao Cabo Mondego enchem-se de gente na maré vazia, à procura do tão apreciado bivalve.
É especialmente na Sexta-feira Santa que esta tradição estava mais enraizada em muitas das famílias desta vila piscatória. A minha não era excepção e invariavelmente neste dia, o delicioso petisco marcava presença na mesa do almoço.
Os tempos mudam, as tradições adaptam-se a essa mudança e de há uns anos a esta parte a família já não participa nesta romaria à beira mar. Apesar disto não fugimos à tradição e os mexilhões agora comprados nas bancas dos supermercados ou do mercado local, não deixam de fazer as delícias de todos à mesa.
Num tacho deitam-se todos os ingredientes, um bom azeite, cebola, alho, vinho branco, salsa, sal e pimenta e após alguns “abanões” para que tudo se envolva, o aroma na cozinha deixa-nos a salivar. Acompanha com pão para molhar nos sucos deixados no fundo da travessa e com um vinho verde fresquinho. Que se mantenha a tradição pois então!

(inscreve-te já na newsletter para receberes os próximos percursos por email)