Caminhada nas ruas e Termas de Vizela (Vizela)

Esta pequena caminhada, com cerca de 4kms, percorre as ruas e o Parque das Termas de Vizela e teve início na Rua Sá e Melo desta cidade do distrito de Braga.
Para além do Bolinhol, o famoso pão de ló coberto, Vizela tem muito mais para dar a conhecer. E uma caminhada tranquila num dia solarengo é uma das melhores formas de descobrir o vasto e rico património desta região.
Após algumas dezenas de metros, chego ao colorido e bem cuidado Jardim Manuel Faria que envolve o coreto resistente à modernidade dos tempos. Na sua base os bonitos painéis de azulejos homenageiam o património religioso local. Mais adiante observo os repuxos de água que, irrompendo do chão em forma de arco, refrescam quem por ali passa. Na Praça da República foram descobertas em 1787 as antigas termas romanas, hoje denominada de “Bica Quente”, uma fonte de água quente termal. Reza a lenda que quem aqui molhar o dedo “ficará para sempre prisioneiro de Vizela”. Continuo pela Rua Dr. Abílio Torres onde a uma observação mais atenta descubro vários palacetes de época e onde a Igreja de São João assume particular destaque. Sigo ao encontro da Ponte Romana sobre o Rio Vizela cujas águas correm num leito rochoso e irregular.

Aqui respira-se um ar puro revigorante, junto às margens do Rio Vizela.

Estou agora às portas do Parque das Termas de Vizela, um frondoso espaço verde de sombras refrescantes que percorro a um ritmo lento, saboreando cada passo dado. Este é considerado o “pulmão” da cidade e é fácil perceber porquê. Aqui respira-se um ar puro revigorante, junto às margens do Rio Vizela. Com as diversas infraestruturas existentes é o local ideal para a realização de diversas actividades ao ar livre.
Regresso ao ponto de partida na Rua Sá e Melo onde termino a caminhada.

 

FICHA TÉCNICA

4,0 kmslinear
ida e volta
ALTIMETRIA
Altimetria
DOWNLOAD GPS (GPX + KML)

(inscreve-te já na newsletter para receberes os próximos percursos por email)